quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Feliz Ano Novo - Reflexão - Drummond

 

Receita de ano novo
 

Para você ganhar belíssimo Ano Novo
cor do arco-íris, ou da cor da sua paz,
Ano Novo sem comparação com todo o tempo já vivido
(mal vivido talvez ou sem sentido)
para você ganhar um ano
não apenas pintado de novo, remendado às carreiras,
mas novo nas sementinhas do vir-a-ser;
novo
até no coração das coisas menos percebidas
(a começar pelo seu interior)
novo, espontâneo, que de tão perfeito nem se nota,
mas com ele se come, se passeia,
se ama, se compreende, se trabalha,
você não precisa beber champanha ou qualquer outra birita,
não precisa expedir nem receber mensagens
(planta recebe mensagens?
passa telegramas?)

Não precisa

fazer lista de boas intenções
para arquivá-las na gaveta.
Não precisa chorar arrependido
pelas besteiras consumidas
nem parvamente acreditar
que por decreto de esperança
a partir de janeiro as coisas mudem
e seja tudo claridade, recompensa,
justiça entre os homens e as nações,
liberdade com cheiro e gosto de pão matinal,
direitos respeitados, começando
pelo direito augusto de viver.

Para ganhar um Ano Novo

que mereça este nome,
você, meu caro, tem de merecê-lo,
tem de fazê-lo novo, eu sei que não é fácil,
mas tente, experimente, consciente.
É dentro de você que o Ano Novo
cochila e espera desde sempre.






Carlos Drummond de Andrade

2 comentários:

  1. Felipe Batista Felix19 de setembro de 2011 19:59

    ESCOLA ESTADUAL FLORIANO VIEGAS MACHADO
    Nome : Felipe Batista Felix
    Serie : 9°C
    N° : 47




    Saudades




    Tivi feliz, não aguentei comprei as passagems e voltei,
    quando cheguei não aguentei com voçê me casei, mais de
    você enjuei comprei as passagems e vazei ,mais de saudades
    não aguentei comprei as passagems e voltei.





    Mãe


    Qunado naci não aguentei olhei pra minha mãe e chórei.
    Quando creci me toquei pela minha mãe eu sempre chorei.



    Ingredientes



    Uma porta que se abre.
    Uma luz que se apaga.
    Um fogo que se acende.
    Uma manha que vira noite.

    Um Homem com carater.
    Um rosto que se transfor
    Um Homem de coragem
    Uma Munher que tem vontade.





    BULLYING



    Com os chingamentos eu pensei que bem eu terei.
    As vezes eu pensei em denunciar pra lei, Mais sem
    corragem não falei,as ofenças eu guardei, mais um
    dia não aguentei de tanto chorar eu falei,e um peso
    das minhas costas eu larguei.

    ResponderExcluir
  2. Aluno: Ronaldo Cruz n°37
    9°C noturno



    SENTIMENTOS


    É um sentimento tão profundo, que cada vez que a vejo me sinto mais alegre.
    Uma pessoa que no primeiro momento que a conheci, despertou o sentimento mais lindo que já senti, esse sentimento que só você me fez sentir.

    ResponderExcluir

Deixe sua Mensagem!